MENSAGEM ao LEITOR
CONHEÇA QUEM ESCREVE

BEM-vindo ao Fatos & Fotos de Viagens, um blog sem jabá e não vulgar

        EXISTE no viajar e no escrever relatos de viagens um terreno fértil para demonstrações de arrogância. É algo simplesmente disseminado. Tanto no mundo virtual quanto na literatura. Mas o que o maravihoso mundo da viagens precisa é de mais viajantes humildes, não de "especialistas" caga-regras que determinam de tudo: desde como arrumar sua mala ao único tipo que você deve comprar, do lugar que você tem que ir, caso contrário sua viagem será uma merda. Nunca tão maravilhosa como a dele. As classificações dos lugares também. Tem sobrado superficialidade a egocentrismo. Autores assim não percebem que tudo é muito subjetivo e pessoal, que a experiência e o prazer de alguém não será necessariamente igual ao de outro.  Sobretudo as necessidades.

      A blogosfera "profissional e "monetizada" vulgarizou-se e tornou-se banal. Carecemos de gente que escreva para motivar e inspirar, para alargar horizontes, de viajantes que "mostrem" os lugares em vez de "ensinarem" a viajar. Moderadamente, ponderadamente, sem afetação típica de deslumbrados que viajam pela primeira vez em classe executiva e precisam espalhar para o mundo em resenhas risíveis. Ao contrário, a blogosfera

       ESTE blog, ao contrário, não fez concessões à vulgarização dos blogs depois da "profissionalização" e da monetização de alguns. Ao contrário, este é um blog singelo, simples, pequeno, inexpressivo na blogosfera, não despesperado por audiência nem seu autor se dedica mais à sua divulgação nas redes sociais do que à escrita. Tento dar graça à leitura e consolidar algo que prezo muito: confiabilidade, credibilidade.

        COMECEI a viajar tarde, você sabe. Por falta de dinheiro. Até que um dia viajei pela primeira vez ao exterior. Eu tinha 35 anos. Fui assim apresentado ao então desconhecido mas fabuloso mundo das viagens. Jamais, todavia, pensaria visitar mais de 60 países, alguns muito improváveis à época. Irã, Uzbequistão, Myanmar, Etiópia, Quirguistão entre eles. Mas foi recentemente que compreendi que as viagens ficam pra sempre, não as coisas. E que é por esse mundo ser tão diverso, por cada país ser tão diferente, que me parece tão atraente e divertido.

       NÃO sou escritor profissional. Tampouco jornalista. Mas invejo esses profissionais por dominarem o idioma, a gramática e as palavras.  Ainda assim, faço meu melhor, meu caro, estimado, raro e precioso leitor. Então, peço-lhe que considere algo: que mesmo escrevendo com sensibilidade e responsabilidade, incorro em erros. Se quiser, aponte-os. Tanto gramaticais quanto de digitação. Como tenho revisor profissional, antes de publicar dou curso a incansáveis revisões. E também submeto-os ao crivo de minha esposa. Ainda assim, alguns nos escapam.

      SOU brasileiro, empresário e casado com a Emília do blog "A Turista Acidental" e desde que a conheci (e antes mesmo de nos casarmos), tornou-se a "mais-que-perfeita" companheira de vida, de idéias, de projetos e ideais, sobretudo encantadora, adorável e inspiradora companhia de viagens e de aventuras. Com ela compreendi o que significa "prazer de viajar". Foi (e continua sendo) minha melhor fonte de inspirações e de motivações. Tanto que qualifico minhas viagens como "antes e depois" da Emília e "antes e depois" da Índia. Foi com ela que percebi o que quis dizer Érico Veríssimo com "Quem caminha sozinho pode até chegar mais rápido, mas aquele que vai acompanhado certamente chegará mais longe." Somos pais de gêmeos - uma menina e um menino - nascidos em julho de 2015, e de um filho de 34 anos do meu primeiro casamento, em quem o gosto pelas viagens pareceincorporado. Não sou avô, mas as coisas estão bem encaminhadas neste sentido.

       HOJE com 64 anos (boa parte deles dedicados à família e ao trabalho), foi apenas aos 35 que pude começar a viajar internacionalmente. Desde então visitei 61 países, entre os quais alguns dos mais fascinantes e com os sítios mais admiráveis do planeta. Felizmente, para alguns deles ainda a salvo do turismo de massa, cujos excessos arruinam qualquer lugar. Em março de 2006, quando iniciei este blog, o fiz como meio de comunicação com a família e amigos. Anos mais tarde eu descobri o poder de contar histórias em textos e fotografias, e logo ele tomou outro rumo, provavelmente porque os leitores gostavam dos textos e das fotos, ou então porque na época havia pouquíssimos blogs.

       FIZ cerca de 90 viagens internacionais, voei por 40 cias. aéreas diferentes (algumas extintas) em 391 vôos para fora do Brasil e dentro de outros países e em todas as classes possíveis. Segundo Haroldo Castro - jornalista-fotógrafo-escritor que já esteve em 160 países -, o maior viajante que conheço, em seu teste "Viajologia" que se pode fazer em seu site, que considera não apenas a quantidade de países visitados, mas lugares, monumentos e patrimônios, além de transportes, experiências e situações difícieis porque passam os viajantes, alcancei "Mestrado em Viajologia". Mas isso não é nada diante de gente que lá já "graduou-se" em pós-doutorado.

Escrevo este blog sob uma perspectiva lúcida e sem concessões à monetização sem critérios

        Eliminei o contador de visitas deste blog quando marcava mais de 6 milhões. Audiência hoje em blog é decadente. Viajar, escrever e publicar algo que inspire e icentive o leitor é o que mais me motiva. NUNCA como blogueiro interventor nas viagens alheias, ou caga-regras dizendo como alguém deve viajar e que tipo de mala usar e essas chatices que definem as pessoas homogeneamente.Parece ser o que traz os leitores até aqui. Ou porque gostem de fotografia, para além da leitura odepórica, como eu. E por este blog não ter captulado à ambição e vaidade que levou tantos autores de blogs à monetização sem critérios, sobretudo enganando leitores, cada dia torna-se menorzinho e menos importante. Se continuarem assim, os blogs precisarão ser reinventados. Este aqui nasceu livre e assim será até morrer. Por enquanto estou sempre por aqui. Nem que seja em pensamento. Só não sei até quando.

         Agradeço a visita e os comentários e desejo boa viagem aos leitores.

Em tempo: este blog não integra nenhuma associação disfarçada de incentivos à monetização. Mas se um dia fundarem a ABBLI (Associação Brasileira de Blogs Livres e Independentes), por favor, me convidem!

#blogsemjaba

COMENTÁRIOS
RSS - Quer subscrever?
AddThis Feed Button

Share/Bookmark

VIAJE neste blog

Fotos de viagens
PROCURA
Quer ler outras viagens?
De onde chegam os visitantes
« Dubai - Museu Nacional | Main | Dubai: O Big Bus Tour »
Segunda-feira
Ago202007

Dubai: O que usar, vestir e levar 

Recomendações essenciais para Dubai –  Comportamento, calor e roupas

Dubai%20Desert%20Safari%20Tour.jpg

Fotografar pessoas pode ofender e é considerado rude

Dubai não é um lugar com forte cultura e os árabes são apenas 20% da população. Por isso dificilmente você irá conversar ou interagir com um árabe, especialmente com as mulheres.

Dubai%20Museum.JPG

Dubai Museum (representação da vida dos povos tradicionais dos Emirados e das tradições muçulmanas)

 

Os motoristas de taxis são indianos, bangladeshis e paquistaneses, e nos hotéis os trabalhadores são filipinos, indianos e egípcios. Os índices de acidentes são grandes e as colisões, frequentes. Eles dirigem em velocidade alta na maioria da vezes, como costume.


Dubai%20blog%20sombrinha.jpg

Uma sombrinha leve é fundamental no verão

 

Todavia, o vestir tem algumas regras, assim como o comportamento. Não é recomendável um comportamento amoroso, normal para nós ocidentais, com demonstrações de carinhos, abraços e beijos nas ruas ou lugares públicos, pois isso além de ser ofensivo, pode ocasionar até eventualmente prisão. Andar de mãos dadas é o máximo aceitável.

493463-981321-thumbnail.jpg     493463-981325-thumbnail.jpg     493463-982353-thumbnail.jpg

Kit de sobrevivência para turistas: água, boné, óculos de sol e protetor solar. O camelo é só para os locais!

Não espere encontrar muito da cultura árabe em Dubai, exceto em um ou outro sítio histórico como o Dubai Museum, a Jumeirah Mosque e o Sheikh Saeed al-Maktoum House, lugares que visitaremos em outras matérias mais adiante, pois são pontos turísticos e heranças culturais dos Emirados.

Dubai%20Blog%20Sheik%20Maktoun.JPG
 
Sheikh Saeed al-Maktoum House

 

 

Fotos. Nunca fotografe um casal árabe. Jamais fotografe suas mulheres quando estiverem sós.  Além de evidente falta de educação fotografar ostensivamente pessoas em qualquer lugar do mundo, nos países árabes isso é considerado extremamente ofensivo, invasivo e inadequado e você poderá arrumar uam grande confusão se o fizer. 

Dubai%20Blog%20roupas.jpg

Se for incontrolável sua vontade de fotografar, faça como eu fiz com este casal de paquistaneses em turismo na Madnat Jumeirah, Dubai: fotografe-os com uma tele objetiva e de costas. 

Em Dubai  vemos muitas mulheres muçulmadas vestidas à moda mais radical do costume árabe, ou seja, inteiramente de preto, com véus que deixam à mostra apenas os olhos, algumas vezes até cobrindo o rosto todo por um pano fino preto e muitas até com luvas pretas, sem deixarem qualquer parte de pele à mostra.

Dubai%20Blog%20roupas%20mulher.jpg

Mesmo num passeio turístico pelo deserto (Dubai´s Desert Safari) as árabes tradicionais (neste caso uma mulher da Arábia Saudita) vestem-se inteiramente cobertas sobre roupas tradicionais ocidentais.

Ainda que isso seja extremamente curioso e exótico para nós ocidentais,  que seja difícil controlarmos nosso ímpeto de fotografá-las, recomendo vivamente que não se faça isso, por razões de respeito às tradições e cultura, por educação e para evitar constrangimentos, no mínimo, ou aborrecimentos.

493463-982403-thumbnail.jpg   493463-982405-thumbnail.jpg   493463-982407-thumbnail.jpg

A sós ou acompanhadas de seus maridos vestidos de túnicas brancas e lenços vermelhos quadriculados à Arafat,  você certamente terá vontade de fotografá-los, porque além de bonito, é extremamente exótico e curioso. Mas não o faça.  Tampouco se dirija a eles nem os fotografe porque isso pode ser considerado muito rude, até mesmo um insulto.

Dubai%20Blog%20mulher%20rabe.jpg

Casal com um filho em balcão de fast-food no Mall of Emirates: ele, à moda ocidental, ela à moda àrabe.

 

 

Cuidado ao atravessar as ruas em Dubai, porque os motoristas corem muito, dirigem perigosamente e as faixas de pedestres são respeitadas em termos, mas como dirigem rapidamente, podem ocorrer acidentes.

Dubai%20Blog%20arafat%20style.jpg

Os muçulmanos de Dubai vestem-se de maneira tradicional: túnica branca e lenço vermelho na cabeça

 

O clima é extremamente quente e húmido.  Isso significa que é fundamental proteger-se do sol, hidratar-se bastante com água mineral. Leve boné ou chapéu, lenços humedecidos, protetor solar  30 FPF (eu recomendo o “sport”  para o rosto, porque não escorre nos olhos com o suor, o que certamente lhe será incômodo) e roupas o mais leves possíveis, além de óculos de sol e uma sombrinha bem leve de viagem.

Dubai%20Biquini.jpg

Este casal dá uma demonstração típica da rigidez dos costumes: roupa de banho de mar na praia de Jumeirah, bem ao lado do Burj al Arab.

E prepare-se para o embaçamento das lentes de óculos e câmeras fotográficas e de vídeo toda vez que sair de um lugar refrigerado, mesmo até que de um taxi. É inevitável e terá que esperar uns minutos até que termine toda a humidade condensada nas lentes e que todo o corpo da câmera volte a ficar na temperatura ambiente. MUITO cuidado com a exposição das câmeras ao sol porque isso pode simplesmente danificá-las sériamente. Na medida do possível, deixe-as o mais na sombra possível, mesmo que seja a de seu corpo (nas costas, dos lados de seu corpo ou na frente, dependendo de onde o sol está batendo mais). Mesmo assim você eprceberá que elas tornam-se muito quentes porque absorvem as ondas de calor que chegam atrávés da irradiação do chão e mesmo da temperatura do ar.

E%20Mail%20009%20Suado.jpg

Suado!

 

Roupas: mulheres devem vestir-se com calças ou saias até os joelhos, blusas de mangas e sem decotes.  Homens devem usar calças e camisetas ou camisas sociais. Eu recomendo vivamente camisetas de malhas, as mais claras possíveis. Não se deve usar bermuda. Leve uma mochila leve com  toalha pequena humedecida em um saco plástico, ou daquelas tipo "baby wipes",  protetor solar de bolsa em spray e água mineral.

Dubai%20Blog%20costumes%20muulmanos.jpg

Costumes muçulmanos (Dubai Museum)

Reader Comments (97)

Cidade para Acordar cedo, passear, tomar um banho, Almoçar, dormir e voltar a passear no final da tarde...

Europeu deve derreter e ter insolação!

Um abraço
16:25 | Unregistered CommenterRodrigo
Arnaldo, nao precisa ter taaanto receio em demonstracoes de afeto.
Ja ocorreram algumas prisoes, mas foram pessoas desavisadas beijando (na boca) em publico.
Quem vier acompanhado da mulher/companheira/namorada/noiva pode andar de maos dadas, sem maiores problemas. Eh bom evitar beijos, mesmo no rosto.
Para os homens, mesmo que a sua mulher estiver coberta da cabeca aos pes ela sera observada, principalmente pelos paquistaneses, algumas vezes de maneira acintosa. Demonstre que esta com ela, principalmente na praia. Eles se sentem um pouco mais inibidos e param de olhar tanto. Nao se estressem, mas se algum incidente ocorrer, chame a policia e eles certamente te darao razao. O perigo nao sao os arabes, que sao extremamentes respeitosos, mas sim os paquistaneses e bengalis.
Biquinis nas praias sao comuns, mas eu nao recomendaria a mulheres sozinhas ou em grupos irem a praias publicas, os "beach pervs" chegam ao cumulo de fazer "rodinhas" ao redor das mulheres e tiram fotos o tempo todo. Nas praias dos hoteis e bem tranquilo.
Na cidade, com excecao de Bur Dubai e Deira, onde eu costumo me cobrir um pouco mais...
Pode andar de bermuda, sem problema. Ate camiseta sem mangas, para homens. Meu namorado vai assim para tudo o que eh lugar... Meu uniforme de verao sao os vestidos. Desde que nao sejam muito justos ou decotados.
Para as mulheres, eles vao olhar de qualquer jeito, mas nao se preocupem muuuuito.
As inglesas e australianas que vivem por aqui se vestem praticamente como as mulheres cariocas a beira mar. Minissaias, decotes e tomara-que-caias. Para ter-se uma ideia. E nada acontece...
Posso chegar ao cumulo de dizer que por aqui as pessoas se vestem mais "peladas" que em Sao Paulo, por exemplo. So fique alerta, se alguem te olhar muito, encare, olhe feio e eles irao embora, com certeza.

Os arabes adoooooram brasileiros. Qualquer problema sera resolvido depois que revelamos a nossa nacionalidade.

Aproveite a seguranca da cidade... Pode-se andar com qualquer quantidade de dinheiro, cameras, laptops. A qualquer hora do dia ou noite. Sem risco nenhum...
16:58 | Unregistered CommenterCamila
Arnaldo

Em outros paises arabes, como Turquia, Marrocos, e na parte Arabe de Israel, sempre que eu pedi permissão ( para homens) ou familias, ou comerciantes, para tirar uma foto, sempre fui muito bem recebido. O que e considerado desrespeitoso (mas é claro que voce pode usar uma bela tele e fazer isto de longe) e fotografar mulheres. Alias eu acho que na maioria dos paises fotografar pessoas ostensivamente sem pedir permissão não e considerado muito educado. Quanto aos demais itens, sempre que vamos para um pais é importante seguirmos as regras locais, e por isto que o seu blog é importante, para que ninguem faça nada inadvertidametne, que seja consderado errado
21:49 | Unregistered CommenterErnesto
Foi isso exatamente que eu quis dizer, ERNESTO. Fotografar MULHERES é ofensivo, invasivo, rude. Homens, é apenas mal educado e invasivo. Eu trouxe uma tele, mas não dá pra ficar carregando na mochila, é muito pesada! Concordo quantoa fotografar pessoas, seja lá onde for, porque acho invasivoi e mal educado, a menos que se peça e, assim mesmo, se receba uma afirmação simpática.

Grande abraço.
Arnaldo, é ótimo acompanhar seu relato tão completinho da viagem, sempre com tantas dicas legais. Duro deve estar sendo suportar todo esse calorão... Por sinal, adorei a foto que, com jeitinho, vc tirou do casal árabe.
GOSTARIA DE AVISAR QUE ESTÁ HAVENDO PRISÕES ARBITRÁRIAS A BRASILEIROS NO AEROPORTO DOS EMIRADOS ÁRABES.
PORTANTO SE VOCÊ FOR BRASILEIRO MUITA CAUTELA. jÁ TEMOS CASOS DE PRISÕES
A TURISTAS BRASILEIROS INDO PARA DUBAI QUE FORAM REPATRIADOS E ESPERARAM O VÔO DE VOLTA PARA O BRASIL NA CADEIA DO AEROPORTO ALGEMADOS E SEM DIREITO A UM TELEFONEMA PARA A EMBAIXADA DO BRASIL.

MATÉRIA COMPLETA NO SITE: WWW.NOORIENTEMEDIO.ORG
0:33 | Unregistered Commentermiguel

Ola Arnaldo, ouvi dizer que é necessario receita medica para levar remedio para Dubai...isso é verdade???

Graça Pompeu, desconheço isso e acho pouco provável, até porque a receite deveria ser em árabe!

Arnaldo, existe alguma loja especializada em equipamento fotográfico que você conheça e possa recomendar em Dubai? Vale a pena comprar esse tipo de material lá? Pelo que vi, você também gosta da arte de fotografar. Estarei indo para Dubai na segunda quinzena de Outubro.
Parabéns pelo excelente blog.
Rodrigo

18:57 | Unregistered CommenterRodrigo

Rodrigo, não sei informar, mas sei que Dubai aplica isenção de taxas em produtos eletrônicos. Tentei procurar antes de viajr e não consegui encontrar uma loja especializada pela Internet. Mas certamente encontrará algumas nos várioos shoppings centers de Dubai, e pedir informação na recepção do hotel também é recomendável. Boa viagem e retorne para contar. Prepare-se para o calor!

Oi Arnaldo, tudo bem?

Recebi uma proposta de trabalho em Dubai em uma grande Multinacional.Li seus comentários e eles já foram bastante esclarecedores, mas confesso que ainda estou um pouco receosa com relação ao idioma que encontrarei. Li que Dubai é uma cidade muito internacional. Sendo assim, posso confiar que conseguirei me comunicar em inglÊs com as pessoas sem maiores problemas?

Com relação à religião, eles costumam respeitar os cristãos?

Abraços e obrigada!

17:22 | Unregistered CommenterEliana

Já ia me esquecendo!

Com relação à vestimenta, essas saias e burcas não são obrigatórias às não mulçumanas, são?

Obrigada!

17:25 | Unregistered CommenterEliana

SIM, Eliana, em Dubai as pessoas de nível médio falam inglês e não há nenhuma dificuldade em se comunicar. Sim, ainda que o islã seja a religião nacional, oficial, pois é um país árabe, é um país esclarecido e que tem mais estrangeiros que naturais. eles respeitam todas as religiões.

NÃO se usam BURKAS em Dubai, mas ABAIAS. São aqueles véus pretos da cabeça aos pés que se vestem sobre roupas ocidentais. É usado apenas por quem qur e especialmente por mulheres da religião islâmica. As roupas ocidentais são largamente usadas, mas devem ser comportadas: nada de decotes e eprnas de fora. Lembre-se de que está num país estraneiro e mque deve comportar-se como é o costume local.

Oi Arnaldo, muito obrigada pelas prontas e esclarecedoras respostas!

Um abraço e sucesso em suas viagens!

10:50 | Unregistered CommenterEliana

Meu nome é Cleyde. Estou indo para Dubai e Egito no dia 11 de fevereiro, não sei qual a roupa certa para usar durante o dia e a noite,pois sou uma pessoa friorenta, qual a temperatura nesta época? Vou fazer o cruzeiro no Rio Nilo, qual a roupa para esta ocasião? Sei que vai ter um jantar com o comandante, o que devo usar?

10:44 | Unregistered CommenterCleyde

Em DUBAI, as médias são: MAX 23 graus, MIN 15; No EGITO (Cairo) MAX 20 e MIN 10. Sendo friorenta (como toda mulher), deve levar um casaco de frio (esportivo, que possa tirar e amarrar na cintura), uma luva de tecido ou lã, um cachecol e uma toca para proteger as orelhas. Leve calças compridas e blusas sociais de manga e sem decote. No navio, a roupa para a noite do comandante é sempre roupa de NOITE, ou seja, vestido com brilhos, sejam curtos ou longos, salto alto e bolsa pequena (de mão ou de alcinha). Pode usar jóias, mas mulher não usa relógio com roupa de noite.

Ola! estou indo para Dubai no carnaval e gostaria de saber sobre roupa para andar na rua. Manga curta? saia? bermuda? Bom, estou indo a negocios (neste ponto a roupa nao é problema) mas gostaria de saber sobre a receptividade dos árabes para negociar com mulher. Um abraço e obrigada

16:36 | Unregistered CommenterDaniela

Oi Arnaldo, estou indo a Dubai no carnaval e vou ficar a semana toda. Vi que em 2 dias vai fazer frio, e no resto muito calor. Quero saber se nos dias de muito calor eu posso usar bermudas, calça leggin, e vestidos (na altura dos joelhos)??? Sei que não devo usar nada decotado. Outra coisa, a noite, o que se tem a fazer além dos restaurantes????
Parabéns pelo blog!

A conduta é vestir-se discretamente e com roupas NÃO sensuais se não quiser ser importunada ou vista como mulher vulgar. Sugiro bermudas e vestidos na altura dos joelhos e, leggings, apenas se estiverem SOB uma sala.

Não saí na noite de Dubai mas recomendo que pergunte no seu hotel.

Gostaria de saber o que as mulheres usam por baixo daquelas " cabanas". Usam roupas íntimas "normais"?

abraços,
edna fernandes

SIM, Edna fernandes, elas usam sob as abaias (não são "cabanas", são feitas de um tecido fininho) roupas ocidentais de grifes muitas vezes)

23:01 | Unregistered CommenterArnaldo

Acabei de voltar d Dubai....mto decepcionada. De fato, n!ao vi nada que valesse a pena uma viagem tão longa.

Arnaldo boa tarde!
Em Dubai pode-se beber cerveja normalmente pelas ruas como faz-se no Brasil? Andei lendo que é necessário uma licença para se beber, isso confere? E os valores de cervejas, em média quantos dólares?
Meu chefe vai a Dubai e pediu-me para pesquisar estas informações.
Grata.
Ivani

17:44 | Unregistered CommenterIvani

Não é permitido beber nas ruas e nem se vende bebida alcoólica. Constitui grave contravenção beber na ruia em país muçulmano. Passe longe. Bebida só em alguns hotéis. Ou se a pessoa comrar e levar pra casa.

19:21 | Unregistered CommenterArnaldo

Para beber em Dubai há 2 hipóteses:nos restaurantes de bons hotéis ou ter lá alguém conhecido que possua uma licença para comprar bebidas alcoólicas.Essa licença é dada aos expatriados e com ela podem comprar em certas lojas que todos os que lá vivem sabem onde estão.Não convém é beber em público,nunca na rua.

12:22 | Unregistered Commenterlisboeta

Ola Arnaldo.
As lojas de joias e o museu em Dubai ficam abertos até que hora nos fins de semana ? o safari no deserto é divertido? qual o tempo de duração do safari e o que inclui ? em julho é muito calor ?
abraços ,seu blog é ótimo !!

6:05 | Unregistered CommenterRonei

RONEI, sinceramente não sei até que hora ficam abertos tanto o museu quanto as lojas de jóias, mas estando em Dubai é fácil saber. Sim, é interessante sim o safgari no deserto e há um programa de um dia inteiro e uma tarde. Ambosm cincluem um jantar no meio do deserto em tendas árabes e um show turístico de dança do ventre. Julho éinsupertavelmente quente.

9:38 | Unregistered CommenterArnaldo

Ola Arnaldo.
os hotéis oferecem o safari no deserto ? Qual o valor do safari? tem algum passeio com os barcos "abras"? os barcos nos levam perto de algum local turistico? o que tem de interessante para se fazer a noite ? julho é realmente insuportavel o calor ou da para aproveitar o passeio ?
Valeu Arnaldo !! Obrigado.

11:13 | Unregistered CommenterSaryane

Os hotéis têm folhetos de operadoras de safaris no deserto. é muito fácil e há diversas operadoras. Cerca de 40 a 80 dólares por pessoa, dependendo do tempo de duração. Os barcos abras são com o tranporte público de travessia, não são turísticos.Mas há passeios turísticos de barco pelo rio. O melhor é andar de taxi ou pegar o ônibus turístico. De noite a vida turística é mesmo nos hotéis e shoppings.

19:03 | Unregistered CommenterArnaldo

as mulheres usam roupas coloridas ou são apenas as abayas pretas?

17:18 | Unregistered CommenterMarina

Ai,ai meu namorado me convidou para passar 5 dias em dubai,confesso que depois que li tudo isso,fiquei com muito medo... principamente a parte da brasileira que foi presa.credo!! eu vou na quarta feira agora.
Tenho pavor de andar de aviao mais eu vou,vai dar tudo certo!!
Só queria saber se vale a pena.. porque ate agora só ouvi o que nao pode!!!

21:11 | Unregistered Commenterthalyta

ahhh desculpa esqueci de agradecer...
O seu blog é maravilhoso,sem ele nao saberia nada disso!!
ja inaginou?!!

21:14 | Unregistered Commenterthalyta

Olá, primeiramente gostaria de parabenizá-lo pelo blog e agradecer por tantas informaçãoes esclarecedoras.Gostaria que se possível me desse algumas informações.
Estou planejando uma viagem a Dubai e pretendo levar meu filho de 1 ano e 4 meses, você acredita que seria um problema leva-lo???Qual mês seria mais conveniente fazer essa viagem?
Quanto aos hoteis, gostaria de saber se você indica o Atlantis the palm e se ele fica muito distante dos principais shoppings.Ou se o Kimpimski seria uma melhor opção?
Qual a proporção da moeda brasileira para a moeda de dubai?Você me aconselha a comprar dolares para levar ou a proporção sai a mesma com a moeda brasileira se trocarmos o real pela moeda arabe quando chegarmos em dubai??
Muito agradecida...abraços

11:10 | Unregistered CommenterFernanda

Olá Arnaldo! Eu estou indo para dubai por um pacote de viagens da cvc, e estou em dúvida sobre as roupas que devo usar.Pensei em levar vestidos ou shorts devido ao calor, mas pelos comentários que li estes tipos de roupa não estão parecendo convenientes, não é verdade? Gostaria de saber também sobre as lojas em shoppings, se existem algumas mais acessíveis ou se realmente a grande maioria é cara.
Obrigada

Oi Arnaldo
Esqueci de te perguntar outra coisa.
É sobre a maioridade em dubai, lá é considerado maior com 18 anos também?

LUANA, sobre as roupas, não deve usar shorts e roupas decotadas, mas pode usar bermudas e vestidos sim, saias, desde que não curtas. Sobre os shoppings, há para todos os orçamentos, desde os mais populares aos mais luxuosos. Não sei informar sorbe as leis locais acerca da maioridade ser aos 18.

22:05 | Unregistered CommenterArnaldo

Na próxima segunda-feira, dia 20/07/09 irei pra Dubai. Gostaria de saber o tipo de roupa que eu poderia usar durante o dia e a noite.

17:07 | Unregistered CommenterCristiane

olá Arnaldo!
Vou para dubai no dia 24 de setembro, gostaria se é uma época mto quente. o calor é intenso mesmo a noite?
Estava lendo no seu blog sobre o que vestir la, posso usar bermudas até o joelho durante o dia pela cidade? ou é incoveniente?
Banho de piscinha e de mar é liberado?

Parabéns pelo blog!

23:12 | Unregistered CommenterRoger

Setembro ainda é quente sim!
A maior idade é 21 anos. Não é permitido entrar nos bares etc sem identidade!!!! Moro aqui desde 2006 e posso ajudar respondendo as perguntas do blog do Arnaldo. Afinal foi neste blog que me inspirei e resolvi trabalhar como guia de turismo somente para os brasileiros. Qualquer dúvida pode também enviar e-mail direto. (solangebarros@globo.com). Tenho trabalhado bastante com este atendimento privativo. Não misturo pessoas distintas. Atendo apenas a mesma família ou amigos que viagem juntos por opção.Arnaldo, posso seguir pegando carona no teu blog que está sempre muito bom e parabéns pelas modificações! Ficou o máximo. Abraços. Solange

SOLANGE, pode seguir sim. Eu tentei entrar em seu blog e deu errro. Você ainda o tem?

Ola Arnaldo!


Vou sozinha para Dubai dia 20/09..tenho algumas duvidas! Amei quando descobri esse blog!

- o hotel Four Points by Sheraton Bur Dubai Hotel que fica na Khalid Bin Walid Street Bur Dubai fica numa regiao segura? Posso andar sozinha por la? e pegar taxi para ir para bares/baladas em outros hoteis?
- e perigoso eu ficar andando sozinha de taxi durante o dia e a noite?
- e praia de biquini..so a do hotel, certo?
- nos hoteis e shoppings, posso me vestir como se estivesse aqui no Brasil?
- o que / onde e perigoso eu fazer sozinha em Dubai?
- sair a noite sozinha e perigoso?
Muuuuuito Obrigada!
Fabiana

23:54 | Unregistered CommenterFabiana

Voce saberia me dizer se culturalmenta a sociedade de Dubai se parece com Teerã? Pretendo ir conhecer Teerã mas tenho muitas dúvidas e não estou encontrando as informações que preciso.Caso conheça algum site por favor me informe.
Abraços
Lucia

FABIANA,

o hotel Four Points by Sheraton Bur Dubai Hotel que fica na Khalid Bin Walid Street Bur Dubai fica numa regiao segura? Posso andar sozinha por la? e pegar taxi para ir para bares/baladas em outros hoteis?

SIM, pode, Dubai é segura e trabquila e civilizada. Fique tranquila.

- e perigoso eu ficar andando sozinha de taxi durante o dia e a noite?

NÃO, não é perigoso.

- e praia de biquini..so a do hotel, certo?

CERTO, apenas nas praias e piscinas dos hotéis.

- nos hoteis e shoppings, posso me vestir como se estivesse aqui no Brasil?

SIM, mas para ir para os soppinge vc precisa circular nas ruas e deve se pembrar de respeitar os costumes locais e a sociedade muúlmana, muito conservadora. Portanto, vista-se discretamente, sem decotes e exposição do corpo.

- o que / onde e perigoso eu fazer sozinha em Dubai?

NÃO sei lhe dizer o que é perigoso em Dubai, mas mulher andando só pode ser intranquilo, não diria inseguro, altas horas da noite na rua. Volto a dizer que Dubai é um dos lugares mais seguros do mundo.


- sair a noite sozinha e perigoso?

NÃO, não há perigo de sair à noite em Dubai.


Leia o segundo comentário (da leitora Camila) aqui neste capítulo e tire suas conclusões.

Lembre-se também que há uma "Guia brasileira em Dubai", a Solange Barros.

8:25 | Unregistered CommenterArnaldo

LUCIA, sua pergunta é extremamente subjetiva. Eu não saberia responder se a sociedade de Dubai é parecida ou não culturamente com a de Teerã sem que me diga exatamente em que pontos. Relacione clara e objetivamente "as informações que precisa" que as encontrará.


Voce saberia me dizer se culturalmenta a sociedade de Dubai se parece com Teerã? Pretendo ir conhecer Teerã mas tenho muitas dúvidas e não estou encontrando as informações que preciso.Caso conheça algum site por favor me informe.
Abraços
Lucia

Arnaldo!!

Muuito obrigada pelas informacoes!
e muito complicado para nos mulheres que viajam sozinhas saber o que se pode ou nao se pode usar ou fazer em Dubai,onde a cultura e completamente diferente da nossa!
Vou falar com a Solange! Bem lembrado!

Fabiana

0:18 | Unregistered CommenterFabiana

Estou acostumado a dirigir na Europa com GPS. Gostaria de saber de vc se é uma boa idéia alugar um carro em Dubai com GPS ou se é melhor andar de táxi mesmo. Ouvi falara que o GPS não funciona direito em Dubai, é verdade? Outra coisa, é que vou para Abu Dhabi na Fórmula 1, qual o melhor jeito de ir para lá? Vans, taxi, carro ou onibus?

Olá,
Pretendo ir a Dubai em janeiro. Gostaria de saber se frequenta-se praia lá neste período do ano, ou se é frio para isso.
Obrigado a todos.

22:08 | Unregistered CommenterTosi

TOSI, sim, é possível ir à praia em janeiro em Dubai. É frio, mas não que impeça ir à praia.

8:13 | Unregistered CommenterArnaldo

Oie Arnaldo. Sou brasileira, e moro na Dinamarca. E aqui sempre que alguém vai viajar para algum lugar eles dizem que temos que tomar vacina contra um monte de coisa. Bem... Eu e meu marido estamos indo para Dubai em dezembro, vamos ficar 10 dias. Eu estou gravida e nao posso tomar nenhum tipo de vacinacao. Eles dizem que é perigoso viajar para Dubai sem tomar as vacinas contra: difteria, Hepatite A, e tetano. Entao eles dizem que, é melhor agente nao viajar, e perder tudo que ja pagamos. Gostaria de saber se você sabe se tem muitos casos dessas doencas em Dubai, e se é tao facil assim ser contaminado com essas doencas??? Obrigada.

16:57 | Unregistered CommenterHeloiza

HELOIZA, vacinas todas as pessoas devem tomar, ou seja, procurar um médico para fazer a lista de vacinas necessárias, INDEPENDENTEMENTE de viajar para onde quer que seja. Vacinas como contra a febre amarela, tétano, hepatite B e a tríplice viral são essenciais para os viajantes.


Mas DUBAI não requer e nem é necessário vacinar-se contra as doencás mencionadas, ainda que todo cidadão devesse ser vacinado contra Difteria, Hepatite A, e Tétano.

O máximo que deverá tomar cuidado é com infecções intestinais, assim mesmo, leve em conta que a água de torneira em Dubai vem de usinas de dessalinização e, embora potável, não tem gosto agradável. A maioria escolhe comprar água mineral, que custa de Dhs1 a Dhs2 por um litro. Mas, fique atento às falsificações em alguns bares e restaurantes. Fora de Dubai, evite beber água da torneira, talvez seja bom usar água de garrafa até para escovar os dentes.

Os padrões de higiene alimentar são extremamente elevados em Dubai. Porém, tenha cuidado se você quiser provar lanches de carrinhos de rua. Se tiver receios, evite saladas cruas e shawarmas (carne cozida em um espeto e servido em pão sírio).

Fora da cidade, o leite não costuma ser pasteurizado e deve ser fervido. Leite em pó também é vendido, mas certifique-se de que será preparado com água potável. Evite laticínios, provavelmente feitos com leite não fervido ou pasteurizado.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no Brasil, dá orientações específicas sobre a eventual necessidade de outras vacinas. Procure um bom clínico geral ou o ginecologista que a acompanha para ter informações médicas.

Boa viagem, divirta-se, aproveito e cuide-se!

PostPost a New Comment

Enter your information below to add a new comment.
Author Email (optional):
Author URL (optional):
Post:
 
All HTML will be escaped. Textile formatting is allowed.